segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Superliga de Vôlei - Segundo Torneio

Minas bate Florianópolis e fatura segundo torneio


Em mais uma partida disputadíssima, o Vivo Minas venceu de virada a equipe do Cimed Florianópolis no ginásio do Capoeirão em Santa Catarina e conquistou o titulo do segundo torneio da Superliga Masculina 2008/2009.


O jogo começou quente e equilibrado com a equipe mineira sempre a frente do placar e conseguindo um set point com o placar em 25 a 24 mas Florianópolis reagiu e com 2 pontos de Thiago Alves fechou o set em 30 a 28.


O segundo set foi encaminhando da mesma forma que o primeiro set só que a equipe da casa comandando o placar durante todo o set. Com um ace bastante contestado do meio de rede Éder, a equipe catarinense fechou a parcial em em 26 a 24 abrindo dois sets a zero.


A partir daí, a equipe do Minas parece ter se acertado em quadra. Com o bloqueio funcionando de maneira sensacional fazendo pontos e amortecendo todas as bolas para os contra-ataques de André Nascimento e Mauricio, a equipe de Belo Horizonte tomou conta do placar e em um bloqueio de Thiagão, substituto de André Heller que não jogou devido a uma virose, venceu o terceiro set por 25 a 22.


No quarto set apareceu a estrela do campeão olímpico André Nascimento que marcou nove pontos no set mais fácil da partida. O começou liderando, abriu uma vantagem de 9 pontos e foi administrando essa vantagem até fechar o set em 25 a 20.


No tiebreak, o set permaneceu equilibrado até a virada técnica com o Minas vencendo por 8 a 7. Depois da palavra do treinador Mauro Grasso, os mineiros abriram vantagem, mantiveram o foco depois de uma discussão entre o libero Serginho e o ponta Ezinho e fecharam o set em 15 a 13 vencendo o segundo torneio e quebrando a invencibilidade de Florianópolis na competição.


Na Superliga Feminina, o Rio de Janeiro venceu o Osasco em Osasco e venceu o segundo torneio da competição. O jogo foi bastante disputado mas no tiebreak a equipe do técnico Bernardinho se postou melhor em quadra faturando o titulo.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Oitavas-de-final da Liga dos Campeões marca choque entre gigantes

O sorteio para as oitavas-de-final da Liga dos Campeões, realizado nesta sexta-feira, em Nyon, na Suíça, colocou frente a frente equipes consideradas favoritas ao título logo na primeira fase do mata-mata da competição. Alguns gigantes, que tiveram desempenho irregular na primeira fase, protagonizam confrontos que antes do início da maior competição entre clubes do mundo poderiam ser esperados em uma final.

O Chelsea enfrentará a Juventus, em duelo precoce para continuar vivo na competição. O time de Luiz Felipe Scolari teve desempenho irregular no Grupo A, em que terminou na segunda colocação. A campanha da Juventus no Grupo H, em que deixou para trás o Real Madrid, pouco fez diferença, já que os italianos irão enfrentar uns dos melhores times da Inglaterra.

A equipe merengue também terá um confronto duro nesta fase. Os espanhóis irão enfrentar o Liverpool, que tem muita tradição na competição. A campanha irregular do Real Madrid na primeira fase, em que sofreu duas derrotas para a Juventus pode ser um anúncio de um confronto extremamente equilibrado.

Desde o Japão, local em que disputa o Mundial de Clubes, o Manchester United viu que enfrentará dificuldades para renovar o título da Liga. Logo nas oitavas, os ingleses terão a Inter de Milão pela frente. O time de José Mourinho foi um dos favoritos que decepcionaram na primeira fase, com a segunda colocação do Grupo B.

Favoritos com facilidade na etapa

O Bayern de Munique, pelo menos na teoria, terá o adversário mais tranqüilo nas oitavas-de-final. Os alemães, que garantiram o primeiro lugar no Grupo F na última rodada, após vitória sobre o Lyon, irão enfrentar o Sporting. O time português terá que melhorar muito para eliminar o tradicional Bayern, após uma primeira fase bastante irregular.

O Barcelona, por sua vez, também não deve ter muitos problemas para conquistar a classificação para as quartas-de-final. Os comandados de Pep Guardiola pegam o Lyon, que é muito forte na liga local, mas tem pouca tradição em competições européias. A equipe catalã luta para voltar aos bons momentos, após uma campanha desastrosa na Liga da temporada passada.

O confronto entre Arsenal e Roma promete ser um dos duelos mais equilibrados da fase. As duas equipes têm desempenhos irregulares em suas respectivas ligas locais e, por isso, a divisão de forças. Os italianos, no entanto, foram muito bem na primeira fase, em que tomaram o primeiro lugar do Chelsea no Grupo A. A equipe de Arsene Wenger teve mais dificuldades para chegar às oitavas, após ficar atrás do Porto no Grupo G.

O Porto não terá adversário fácil, mesmo depois de ter deixado o Arsenal para trás. O time de Portugal irá enfrentar o Atlético de Madri, que fez boa campanha na primeira fase, apesar de ter ficado atrás do Liverpool no Grupo D.

O Villareal foi a equipe que recebeu o maior prêmio do sorteio na Suíça. A equipe espanhola terminou na segunda colocação do Grupo E, atrás do Manchester United, mas irá enfrentar o Panathinaikos, em tese, um confronto considerado mais fácil. No entanto, os gregos estão embalados após a primeira posição do Grupo B.

FONTE: Uol
_________________
Chelsea x Juventus

Villarreal x Panathinaikos

Sporting x Bayern de Munique


Atlético de Madrid x Porto


Lyon x Barcelona


Real Madrid x Liverpool


Arsenal x Roma


Internazionale x Manchester United

Os jogos de ida serão realizados em 24 de fevereiro de 2009, já a volta acontecerá em 11 de março de 2009.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

EMERSON LEÃO É O NOVO TÉCNICO DO ATLÉTICO

Pablo Nogueira


Leão é o novo técnico do Atlético. O anúncio foi feito ontem quando Ricardo Guimarães e ele conversaram em São Paulo pela manhã.
Esta é a terceira vez que Emerson Leão treina o Galo. Em 1997, o treinador levou o clube aos títulos da Conmebol e Copa Centenário de Belo Horizonte. Dez anos depois, ele voltou e em sua passagem tirou o time da zona de rebaixamento e o classificou para a Sulamericana.
Na conversa de trinta minutos, ficou acertado que o contrato de Emerson Leão vai até dezembro de 2009. Não há multa rescisória. Em entrevista ao Bom dia Minas da TV Globo, o treinador disse que qualquer sacrifício é valido para que os resultados venham, se referindo as dívidas que o clube tem e que vai esperar chegar á Belo Horizonte para decidir sobre as contratações. Ele chega nesta terça-feira e será apresentado á imprensa ás 15 h.
Em entrevista á Rádio Itatiaia, Leão deixou claro que todas as vezes que treinou o Atlético tudo correu bem, apesar das dificuldades.

CRUZEIRO DE OLHO EM LEANDRO AMARAL

Pablo Nogueira

Enquanto isso, o Cruzeiro corre atrás de reforços. O nome mais disputado é de Leandro Amaral. O atacante que defendeu o Vasco nesta temporada, interessa além do Cruzeiro, ao próprio Vasco, ao Fluminense e times do exterior. Esta é a segunda vez que Leandro entra na lista da diretoria celeste, que em 2007 tentou o contratar quando ainda era do Fluminense. Outra aposta é Washigton , atacante que jogou no tricolor carioca este ano e ainda não renovou seu contrato. Estão ainda no páreo, São Paulo, Grêmio e o atual time do jogador que quer mantê-lo no elenco de 2009. O time gaúcho no entanto admitiu que há muitas dificuldades e que ele já estaria acertado com a equipe de Muricy Ramalho.
Já o atacante Soares disse estar acertado com o Cruzeiro. O jogador que já trabalhou com Adilson Baptista revela sua transferência para a Toca, mas a diretoria do clube e o empresário dele, Paulo Roberto não confirma.

BLOGNAUTAS NÃO APROVAM MINEIRO 2009

Encerrada, mais uma enquete realizada pelo blog Uni Esportes. Perguntamos se os blogonautas aprovam a mudança na fórmula de disputa do Campeonato Mineiro 2009.
Foram 14 participações. Oito delas reprovam, o que corresponde a 58%. Seis pessoas reprovam, sendo 42% dos participantes.
Uma nova pesquisa começou. Queremos saber se Cruzeiro e Atlético acertaram na escolha dos técnicos para 2009. Então ? O que você acha ? Vote no blog, na enquete que está á direita da página. Opine!

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Copa do Brasil 2009

Confederação Brasileira de Futebol divulgou nessa sexta feira a tabela da Copa do Brasil 2009. A competição que começará dia 18 de Fevereiro reunirá 64 times de todos os estados brasileiros. A final é programada para os dias 17 de junho e 1 de julho.

Flamengo PI
x
Vasco RJ
Icasa CE
x
Portuguesa SP
Itabaiana SE
x
Atlético MG
Guaratinguetá SP
x
Caxias RS
Misto MS
x
Campinense PB
Nacional PB
x
Fluminense RJ
Americano RJ
x
Santa Cruz PE
Samp. Correa MA
x
Figueirense SC
Rio Branco AC
x
Santos SP
Holanda AM
x
Coritiba PR
Mixto MT
x
Paraná PR
Desportiva ES
x
Fortaleza CE
União Rond. MT
x
Internacional RS
J. Malucelli PR
x
Guarani SP
Tupi MG
x
Criciúma SC
Central PE
x
Ceará CE
Confiança SE
x
América RN
ASA AL
x
Vitória BA
Atl. Sorocaba SP
x
Juventude RS
Itumbiara GO
x
Corinthians SP
Tocantins TO
x
Atlético PR
Fast Clube AM
x
ABC RN
Ág. de Marabá PA
x
América MG
Atlético RR
x
Goiás GO
Cristal AP
x
Brasiliense DF
Vilhena RO
x
Ponte Preta SP
Serra ES
x
CSA AL
Potiguar RN
x
Bahia BA
Ivinhema MS
x
Flamengo RJ
Barras PI
x
Remo PA
Moto Clube MA
x
Náutico PE
Dom Pedro DF
x
Botafogo RJ

RANKING DA CBF É ATUALIZADO

Ranking da CBF

1º Grêmio - 2.039 pts
2º Vasco - 1.981
3º Flamengo - 1.974
4º Corinthians - 1.958
5º São Paulo - 1.939
6º Atlético-MG - 1.922
7º Palmeiras - 1.897
8º Internacional - 1.863
9º Cruzeiro - 1.824
10º Santos - 1.695
11º Fluminense - 1.608
12º Botafogo - 1.567
13º Goiás - 1.423
14º Sport - 1.422
15º Coritiba - 1.419
16º Guarani - 1.410
17º Portuguesa - 1.329
18º Atlético-PR - 1.270
19º Bahia - 1.256
20º Vitória - 1.238

Pontuação desde 1971

1º São Paulo - 1.441 pts
2º Internacional - 1.387
3º Cruzeiro - 1.337
4º Santos - 1.327
5º Vasco - 1.306
6º Palmeiras - 1.298
7º Flamengo - 1.297
8º Atlético-MG - 1.287
9º Corinthians - 1.278
10º Grêmio - 1.246
11º Fluminense - 1.128
12º Botafogo - 1.078
13º Goiás - 1.018
14º Atlético-PR - 942
15º Guarani - 875
16º Coritiba - 848
17º Vitória - 801
18º Portuguesa - 780
19º Sport - 769
20º Bahia - 773

Pontuação desde 2003

1º São Paulo - 448 pts
2º Santos - 406
3º Cruzeiro - 396
4º Internacional - 394
5º Goiás - 364
6º Atlético-PR - 355
7º Flamengo - 352
8º Fluminense - 338
9º Figueirense - 335
10º Vasco - 317
11º Palmeiras - 316
12º Corinthians - 311
13º Grêmio - 286
14º Paraná - 281
15º Atlético-MG - 275
16º Botafogo - 269
17º Juventude - 266
18º Coritiba - 237
19º São Caetano - 215
20º Ponte Preta - 204

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

OS CONCEITOS DA SEMANA

SHOW DE BOLA !!

Mesmo não conseguindo levar o Cruzeiro ao título de campeão brasileiro, ADILSON BAPTISTA está com moral alta no Cruzeiro e, renovou seu contrato.
Com o treinador, o time celeste foi campeão mineiro e conquistou uma vaga na Libertadores.

PISADA NA BOLA !!

Ao contrário de Adilson, MARCELO OLIVEIRA não goza de tanto prestígio e foi demitido no Atlético.
O treinador assumiu o time quando estava ameaçado de rebaixamento e o levou a vaga na Sulamericana.

TABELA DO CAMPEONATO MINEIRO 2009

Como prometido, o UNI-Esportes divulga a tabela completa do Campeonato Mineiro 2009, no qual irá acompanhar bem como os outros estaduais pelo Brasil.

Como já virou tradição, os campeões de 2007 e 2008, Atlético e Cruzeiro largam como favoritos, antes mesmo da bola começar a rolar

MINEIRO 2009 - 1ª FASE
1ª rodada
Domingo - 25/01

Uberlândia X Cruzeiro
Atlético X América
Social X Tupi
Uberaba X Ituiutaba
Democrata X Guarani
Rio Branco X Villa Nova

2ª rodada
Quarta-feira - 28/01

Cruzeiro X Social
Tupi X Atlético
América X Uberlândia
Ituiutaba X Rio Branco
Guarani X Uberaba
Villa Nova X Democrata

3ª rodada
Domingo - 01/02

Villa Nova X Cruzeiro
Social X Atlético
América X Rio Branco
Guarani X Tupi
Democrata X Ituiutaba
Uberaba X Uberlândia

4ª rodada
Quarta-feira - 04/02

Cruzeiro X Guarani
Atlético X Uberaba
Tupi X América
Uberlândia X Social
Ituiutaba X Villa Nova
Rio Branco X Democrata

5ª rodada
Domingo - 08/02

Cruzeiro X Atlético
Villa Nova X América
Uberlândia X Guarani
Social X Democrata
Ituiutaba X Tupi
Rio Branco X Uberaba

6ª rodada
Quarta-feira - 11/02

Uberaba X Cruzeiro
Atlético X Rio Branco
Democrata X Uberlândia
América X Social
Tupi X Villa Nova
Guarani X Ituiutaba

7ª rodada
Domingo - 15/02

Cruzeiro X Ituiutaba
Uberaba X Villa Nova
Atlético X Uberlândia
Tupi X Democrata
Rio Branco X Social
Guarani X América

8ª rodada
Domingo - 01/03

Cruzeiro X Tupi
Democrata X Atlético
Uberlândia X Rio Branco
Ituiutaba X América
Social X Uberaba
Villa Nova X Guarani

9ª rodada
Domingo - 08/03

América X Cruzeiro
Guarani x Atlético
Villa Nova X Uberlândia
Tupi X Rio Branco
Ituiutaba X Social
Uberaba X Democrata

10ª rodada
Quarta-feira - 11/03

Rio Branco X Cruzeiro
Atlético X Villa Nova
Uberlândia x Ituiutaba
Democrata X América
Uberaba X Tupi
Social X Guarani

11ª rodada
Domingo - 15/03

Cruzeiro X Democrata
Ituiutaba X Atlético
Tupi X Uberlândia
América X Uberaba
Guarani X Rio Branco
Villa Nova X Social

.Os horários serão definidos em acordo com as emissoras que transmitirão a competição : TV Globo (TV Aberta) e Pay-Per-View (TV Fechada).

.Regulamento da primeira fase: todos os times se enfrentam entre si em turno único. Os oito primeiros avançam ás quartas-de-final. Os dois últimos são rebaixados.
fotos : Cruzeiro (Portal Terra); Atlético (Portal Uai)

Natal gordo para o Corinthians

Juninho Moreira

Na terça feira pela manhã, fui surpreendido pelo comentarista Neto n o programa Jogo aberto da Band, com uma notícia que não dei tanto crédito. Mas, que veio se confirmar no fim da tarde: Ronaldo “Gorducho” no Corinthians.
As notícias foram muitas, dentre elas a indignação da torcida do Flamengo. Pois Ronaldo estava se recuperando da sua contusão no clube e, a torcida entendia que ele iria ficar por lá.
Não foi falha do cartola rubro-negro ou esperteza do cartola alvinegro. É muito simples entender uma negociação como essa. O Flamengo até então era parceiro da Nike e pelo que se vê nos Jornais, a marca de produtos esportivos não irá renovar com o flamengo, tudo indica que será a Olimpikus a nova fornecedora. Ao contrário do Corinthians que tem um contrato longo com a marca Americana. Pois bem, um jogador que tem contrato vitalício com a mesma marca, iria ficar em um clube que não é patrocinado por ela?
Para o Corinthians foi espetacular, foi notícia em todos os jornais do mundo. Viu sua marca fortalecer, sem contar as vendas de camisas. Foi uma jogada de marketing incrível tanto do lado Corintiano, quanto do lado da gigante Americana. Basta saber se Ronaldo vai mesmo voltar a jogar futebol ou se vai ser apenas um garoto propaganda.

LIGA DOS CAMPEÕES DA EUROPA - 6ª Rodada - Quarta-Feira 10/12/08

Filipe Frossard Papini

Enfim chegamos ao final de mais uma fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa. Desta vez não tivemos muitas zebras e a próxima fase promete ter jogos excepcionais e com muita qualidade. Hoje tivemos partidas do Grupo "E" ao "H". Segue abaixo o resumão de todos os jogos realizados nesta quarta-feira.


GRUPO E:
Manchester United-ING 2x2 Aalborg-DIN
(Tévez, 3'; Jakobsen, 31'; Curth, 47'; Rooney, 52')
Um jogo que já começou eletrizante. Carlitos Tévez recebeu um passe primoroso do habilidoso Giggs, e aos 3' abriu a contagem. Parecia que seria um show de bola da equipe inglesa, afinal, jogando em casa contra o, aparentemente fraco, Aab, enfim... Seria o melhor desfecho possível para a torcida que foi ao Old Trafford. Rooney e Nani estavam trabalhando bem no setor ofensivo, mas aos 31' quem marcou foi a equipe visitante. Michael Jakobsen desviu a bola, depois da boa cobrança de falta de Anders Due, e foi crucial, sem chances para Tomasz Kuszczak. Ainda antes do intervalo, os ingleses se assustaram. O Aalborg virou a partida, novamente Anders Due cria uma assistência incrível, mas desta vez quem estava lá para conferir era Curth. Belíssimo gol! O ManUtd foi para o vestiário assustado, mas com sede de vingança. Na volta do intervalo, o Manchester foi pra cima, e aos 52' minutos, Wayne Rooney deixa sua marca, gol típico do matador dos reds, assistência do brasileiro Anderson. Os campeões da Europa tentaram chegar ao gol da virada por algumas vezes, mas não o suficiente para bater o goleiro Zaza do Aab. O Manchester United fechou a fase de grupos em primeiro lugar, com dez pontos. O Aalborg (que jogou com um uniforme maravilhoso) se classificou para a UEFA, com seis pontos.

Celtic-ESC 2x0 Villarreal-ESP
(Maloney, 14'; McGeady, 47')
Apesar de ter acumulado apenas dois pontos em cinco jogos, a equipe do Celtic não se intimidou contra o Villarreal e dominou a partida do início ao fim. Shaun Maloney foi o nome do jogo e foi o próprio que criou as maiores oportunidades de gols na partida. Logo aos 14' ele abriu o placar, após cruzamento de Mark Wilson e falha do goleirão Vieira. Celtic 1-0. As hipóteses de reação do Villarreal diminuíram ainda mais quando Guille Franco recebeu um cartão vermelho por volta de meia-hora de jogo. Isso só facilitou a vida do Celtic, que conseguiu mais espaço para "trabalhar". Pouco tempo antes do intervalo da partida, Aiden McGeady dominou a bola a cerca de 25 metros do gol, e chutou rasteiro, uma bola indefensável. No segundo tempo Manuel Pellegrini ainda fez uma substituição arriscada, lançou Nihat Kahveci no lugar de Marcos Senna, mas não foi o suficiente para passar do intransponível Boruc. O Celtic amargou a última colocação do grupo com cinco pontos, enquanto o Villarreal passa para a próxima fase, com nove.

GRUPO F:

Steaua Bucareste-ROM 0x1 Fiorentina-ITA
(Gilardino, 66')
A "Viola" foi visitar o Steaua na Romênia precisando apenas de um empate para se garantir na UEFA e conseguiu mais do que isso graças ao atacante Gilardino. Mas o jogo não foi fácil não. No começo da partida, os donos da casa pressionaram com Dayro Moreno e Bănel Nicoliţă. A Fiore tinha Mutu que por si só já aterrorizava a defesa romena, mesmo sendo vaiado pela torcida, justamente por já ter jogado no Dinamo Bucureşti, rival do Steaua. Resumindo, nenhuma das duas equipes criou uma oportunidade clara de gol na etapa inicial da partida. No segundo tempo a Fiorentina voltou com mais ênfase, e realmente parecia querer ganhar a partida. Riccardo Montolivo perdeu um gol cara-a-cara com Zapata. Aos 66' a pressão foi demais, e Gilardino apareceu na área e cabeceou lindamente a bola, após cruzamento de Juan Manuel Vargas. O time italiano estava merecendo o gol devido ao futebol que apresentou na etapa final, ainda mais depois que o Steaua perdeu Paweł Golański, expulso aos 72'. Os donos da casa deixaram a Copa dos Campeões um pontinho apenas, na lanterna do grupo F, e a Fiorentina vai disputar a UEFA, com seis pontos.

Lyon-FRA 2x3 Bayern de Munique-ALE
(Klose, 11', 37'; Ribéry, 34'; Sidney Govou, 52'; Karim Benzema, 68')
De fato foi o melhor jogo da Liga dos Campeões este ano. O Lyon mesmo jogando no Stade de Gerland se sentia angustiado pelos desfalques dos laterais Clerc e Revéillère; do zagueiro Cris que estava suspenso; e junto à lista estava também o craque da camisa 10, Juninho Pernambucano. Portanto a responsabilidade do OL caiu toda sobre o atacante Karim Benzema. O Bayern também tinha os seus desfalques: Os brasileiros Lúcio e Zé Roberto; o atacante Lukas Podolski e o lateral Christian Lell. Mas o "corpo" do time se manteve, o "trio terror" jogou a partida (Luca Toni, Franck Ribery e Miroslav Klose). Aos onze minutos iniciais, um bate-rebate entre os próprios defensores do Lyon fez com que a bola sobrasse nos pés do matador Klose, que não deu chances para o goleiro Hugo Lloris, e abriu o placar no Gerland. Bayern 1x0. Era uma pressão formidável do Bayern. Éderson talvez fosse o único nome à aparecer na tela em alguns relapsos de jogadas individuais, mas nada grandioso, que fosse capaz de fazer os torcedores franceses levantarem da poltrona. Aos 34min, Ribery recebeu a bola na ponta direita, passou com muita tranqüilidade e rapidez do lateral Gassama, invadiu a área e colocou no canto esquerdo de Lloris, colocando o Bayern com uma vantagem de dois gols sobre os donos da casa. O Stade de Gerland ainda encontrava-se atônito quando três minutos depois, novamente sai um gol de Klose, e novamente pelo lado direito da defesa do hepta campeão francês. Uma ótima jogada de Ribery, que tabelou com Toni, cruzando pra área, aonde Klose se encontrava livre de marcação. Não deu para Lloris pegar a bola no ângulo. Encerrou-se assim o primeiro tempo da partida. O Bayern se manteve o segundo tempo inteiro na defesa, e não conseguia sair jogando, nem em jogadas de contra-golpe, que é o seu ponto forte. A pressão foi tanta, que aos sete minutos, o contestado Sidney Govou aproveitou uma bola rebatida por Rensing, depois de um chute de Éderson e diminuiu para os donos da casa. Aos 68' o Gerland tremeu. Mais um gol do Lyon! Benzema foi o autor. Driblou com categoria o goleiro Rensing e saiu para o abraço. O jogo era praticamente realizado dentro dá intermediária do Bayern de Munique, e foi a partir daí que surgiu o nome de uma das estrelas, o salvador da partida: Michael Rensing. O goleiro do Bayern defendeu uma série de bolas perigosas, que certamente teriam o destino das redes germânicas. O que se tornou fato, era que, se houvesse mais alguns 10 minutos, aproximadamente, o Lyon empataria a partida, ou quem sabe viraria. Mas não deu tempo. O Bayern se classificou em primeiro colocado com 14 pontos, seguido do Lyon, com 11.


GRUPO G:
Porto-POR 2x0 Arsenal-ING
(Bruno Alves, 39'; Lisandro Lopéz, 54')
O treinador do time inglês, Arsène Wenger, apostou ousadamente nos jovens. Certamente foi este detalhe que prejudicou o Arsenal, a inexperiência de grande parte do plantel. No começo do duelo, dois nomes se destacaram: Aaron Ramsey, de 17 anos, pelo Arsenal; e Lisandro, pelo Porto. Ambos arriscavam chutes de fora da área e jogadas individuais, porém nada que assustasse os goleiros Hélton e Almúnia. O jogo parecia que iria para o intervalo sem gols, mas depois de um escanteio cobrado por Raul Meireles, Bruno Alves acertou um lindo e forte cabeceamento, abrindo o placar para os donos da casa. Já na etapa complementar, o adiantamento no terreno por parte do Arsenal proporcionou ao Porto um contra-ataque letal aos 54'. Hulk iniciou o lance ainda no seu meio-campo, entregando a bola no meio para Fernando. O médio brasileiro caminhou alguns metros e serviu com perfeição na direita o embalado Lisandro Lopéz, que encheu o pé direito e bateu Almunia com um excelente chute no canto superior direito. Estava feito o 2-0. O time do Estádio do Dragão ainda teve inúmeras oportunidades para aumentar o placar, mas nenhuma foi concluída em gol, e assim terminou. O Porto liderou o grupo com 12 pontos, e o Arsenal, com a derrota ficou em segundo lugar, com um ponto à menos que o rival da noite.

Dynamo Kiev-UCR1x0 Fenerbahçe-TUR
(Eremenko, 20')
Para o Fenerbahçe, que chegou até as quartas-de-final da última Champions League, foi o final de uma aventura mal-sucedida, já que os turcos nunca conseguiram causar grandes problemas ao adversário, apesar de necessitarem de vencer para chegarem ao terceiro lugar. O técnico Luis Aragonés tinha prometido que o Fener iria atacar desde o início, mas não foi isso que aconteceu. O Dynamo tomou conta desde o início da partida, mas sempre a bola parava nas mãos de Volkan Demirel. Porém aos 20', Artem Milevskiy recuperou a bola na entrada do meio-campo turco e, com um passe magistral, achou Roman Emerenko. Demirel tentou evitar o ataque, mas o meia foi rápido e, com um chute de primeira, colocou no fundo das redes. O Fenerbahçe só chegou a incomodar aos 31' e 38', mas nada tão perigoso para o goleiro Stanislav Bogush. No intervalo o treinador do Kiev, Yuri Semin, ainda tirou um meia para colocar um volante, e mesmo assim a pressão continuava para os donos da casa. Foi então que Aragonés tirou Alex, que não estava bem na partida, e lançou Maldonado que posteriormente seria expulso. Com certeza foi um dia (e uma competição) para ser esquecido(a) pelos torcedores turcos. O Dynamo classificou para a UEFA, com oito pontos, e o Fener ficou com a última colocação, apenas dois pontos.


GRUPO H:

Juventus-ITA 0x0 BATE Borisov-BIE
A Juventus entrou com uma formação diferente, Paolo De Ceglie na ala esquerda, Marco Marchionni no lado oposto e Cristiano Zanetti, voltando após quatro meses de ausência, formando parceria com Pavel Nedvěd na zona de criação de jogo, esta Juve remodelada demorou a encontrar o seu caminho perante um adversário que nada tinha a perder – o quarto lugar estava certo para o BATE. O jovem Giovinco impressionou com algumas belas jogadas individuais e deixou Amauri duas vezes livre para marcar, mas o ponta-de-lança não conseguiu acertar o gol, atirando muito ao lado em ambas as ocasiões. Já o BATE, pouco conseguiu incomodar durante a partida, e quando chegava, não conseguia passar da defesa alvinegra. A "vecchia signora" ainda teve um pênalti desperdiçado por Giovinco, que isolou a bola por cima do gol. Del Piero entrou no fim da partida, mas não foi suficiente para tentar quebrar o 0x0. O destaque da partida ficou por conta do goleiro do BATE, Veremko, que foi intransponível. Mesmo com o empate, a Juventus conseguiu se firmar na liderança do grupo H. O BATE não tinha como escapar da última colocação mesmo antes da rodada começar, pois só tinha dois pontos.


Real Madrid-ESP 3x0 Zenit St. Petersburg-RUS
(Raúl González, 25', 57'; Arjen Robben, 50')
Show de Raúl e sorte de Juande Ramos na estréia como treinador do Real. Os merengues lutavam pela primeira colocação do grupo, enquanto o Zenit já tinha o 3º lugar garantido, portanto, obviamente foi o Real quem partiu para cima. Aos 25', o cruzamento do holandês, Rafael van der Vaart não parecia ameaçador, mas o goleiro russo, Malafeev largou a bola e esta ficou à mercê de Raúl, que teve uma finalização fácil, 1-0. Mesmo depois do gol, o Zenit não esboçou nenhuma reação, a equipe merengue vinha com tudo para cima. Foi-se o primeiro tempo e na volta do intervalo nada mudou, o Real novamente pressionava. Finalmente, aos 50', o Zenit cedeu à pressão, quando o incansável Robben recebeu um passe de Raúl e, de forma primorosa, fez a bola passar por cima de Malafeev, fazendo o 2-0. Sete minutos depois, os papéis inverteram-se e foi a vez do "winger" retribuir a gentileza, com o seu passe, e encontrar Raúl isolado na área. O capitão do Real não teve problemas em "chapelar" o desamparado guardião do Zenit. Os visitantes ainda conseguiram mandar uma bola no travessão, com o português Danny, mas nada que acabasse com a festa espanhola. O time de Madri, mesmo com a vitória, e com o mesmo nº de pontos da Juventus, terminou em 2º lugar, devido ao confronto direto. Já para o Zenit, novamente terão que se contentar com a UEFA, terminou a UCL com cinco pontos.








SORTEIO - OITAVAS DE FINAIS:
Dia 19 de dezembro vamos saber quem enfrenta quem na próxima fase da Liga dos Campeões. Essa nova fase terá a forma de disputa em mata-mata, com dois jogos, ida e volta. No sorteio não poderá haver confrontos entre times do mesmo país. Além disso, os primeiros colocados de cada grupo só poderão enfrentar os segundos colocados de outros grupos, são regras da UEFA. Portanto, o que nos resta é aguardar dia 19, para ver quais surpresas nos aguardam.


terça-feira, 9 de dezembro de 2008

LIGA DOS CAMPEÕES DA EUROPA - 6ª Rodada - Terça-Feira 09/12/08

Filipe Frossard Papini

Primeiramente, devo desculpas aos leitores e acompanhantes do Blog. Não atualizei a 5ª rodada da Champions League por motivos de força maior e falta de tempo. Mas antes de falar sobre a 6ª rodada, colocarei aqui os resultados a última rodada para que todos não fiquem "aéreos".

Terça-Feira, 25/11/2008 - 5ª Rodada
GRUPO H:
Zenit St. Petersburg-RUS 0x0 Juventus-ITA
BATE Borisov-BIE 0x1 Real Madrid-ESP
(Raul, 7')

GRUPO E:

Villarreal-ESP 0x0 Manchester United-ING

Aalborg-DIN 2x1 Celtic-ESC
(Róbson, 53'; Caca, 73'; Caldwell, 87' [Contra])


GRUPO F:

Bayern de Munique-ALE 3x0 Steaua Bucareste-ROM
(Klose, 57', 71'; Toni, 61')

Fiorentina-ITA 1x2 Lyon-FRA
(Makoun, 15'; Benzema, 27'; Gilardino, 45')


GRUPO G:
Fenerbahçe-TUR 1x2 Porto-POR
(Lisandro Lopéz, 19', 28'; Kazim Kazim, 63')

Arsenal-ING 1x0 Dynamo Kiev-UCR
(Bendtner, 87')

Quarta-Feira, 26/11/2008 - 5ª Rodada
GRUPO A:
Bordeaux-FRA 1x1 Chelsea-ING
(
Anelka, 60'; Diarra, 83')

Cluj-ROM 1x3 Roma-ITA
(Brighi, 11', 64'; Totti, 23'; Koné 30')

GRUPO B:
Internazionale-ITA 0x1 Panathinaikos-GRE
(José Sarriegi, 69')

Anorthosis Famagusta-CHP 2x2 Werder Bremen-ALE
(Nikolaou, 62'; Sávio, 68'; Diego, 72' [pen]; Hugo Almeida 87')


GRUPO C:
Shakhtar Donetsk-UCR 5x0 Basel-SUI
(Jádson, 32', 65' 72'; Willian, 50'; Seleznov, 75')

Sporting-POR 2x5 Barcelona-ESP
(Henry, 14'; Piqué, 17'; Messi, 49'; Miguel Veloso, 65'; Liédson, 66'; Marco Caneira, 67' [Contra]; Bojan Krkic, 73' [pen])


GRUPO D:
Atlético de Madrid-ESP 2x1 PSV-HOL
(Simão, 14'; Máxi Rodriguez, 28'; Kovermans, 47')

Liverpool-ING 1x0 Marseille-FRA
(Gerrard, 23')


--------------------------------------------------------------
Ok. Estes foram os resultados da 5ª Rodada, que não foi atualizada pela equipe EsporteUni. Agora vamos ao que realmente interessa. 6ª Rodada, que teve início hoje, com partidas dos Grupos "A", ao "D". Tivemos algumas surpresas, confiram abaixo:

Grupo A
Chelsea-ING 2x1 Cluj-ROM
(Kalou, 40'; Y.Koné, 55'; Drogba, 71')
A expectativa da partida, além do espetáculo (obviamente), ficou por conta da volta do atacante Didier Drogba, que fez jus à pressão, marcando o gol da vitória. A previsão de todos era que o jogo fosse totalmente desequilibrado para os donos da casa. Porém não foi isso que ocorreu. O Cluj visitou o Chelsea com um time bem fechado e sabendo jogar nos contra-ataques. Porém, o Chelsea abriu o placar, e o primeiro gol saiu apenas faltando cinco minutos para o intervalo, Salomon Kalou marcou com certa tranqüilidade dentro da área, depois de um bom cruzamento de falta e da falha de Cadú, meio campista do Cluj. Aos 55', Yssouf Koné iguala a partida depois de um cabeceamento fantástico, sem chances para o excelente goleiro Cech. No segundo tempo, apesar do gol romeno, só deu Chelsea. A pressão era imensa, principalmente depois da entrada do marfinense Drogba, aos 64'. E foi aos 71', que ele mesmo, Drogba, decidiu a partida, Jon Obi Mikel lançou Joe Cole, que serviu Drogba. Este controlou a bola e não deu hipóteses de defesa ao português Nuno Claro. O Cluj se despede da competição com quatro pontos, já o Chelsea se classifica em 2º colocado, com onze pontos.

Roma-ITA 2x0 Bordeaux-FRA
(Brighi, 61'; Totti, 79')
Com a ausência de Mirko Vučinić, sobrou para o francês Jérémy Menez tentar arrumar gols para a equipe da casa. Contudo, quem mais criou oportunidades para a equipe italiana, foi o brasileiro Júlio Baptista. Já o Bordeaux lutou bastante e não jogou mal, Yoann Gourcuff, o meia francês até tentou algumas jogadas, mas foi bem anulado pelos meio-campistas Brighi e De Rossi. Junto a Gourcuff, os "girondinos" Franck Jurietti e Marouane Chamakh pareciam que iriam surpreender a Roma. Mas o jogo, de fato, foi decidido no segundo tempo. A reação italiana veio em boa hora, e Matteo Brighi sozinho dentro a área abriu o placar aos 61'. O Bordeaux ainda tentou esboçar uma reação, mas aos 11' do fim, o ídolo Totti, em um espetacular contra-ataque fechou o caixão com um chute potente. A Roma terminou a fase de grupos na liderança, com 12 pontos, e o Bordeaux irá disputar a Liga da UEFA, ficou em 3º colocado com sete pontos.

Grupo B
Panathinaikos-GRE 1x0 Anorthosis Famagusta-CHP
(Karagounis, 69')
Pela primeira vez em sete anos, a equipe do PAO vai disputar as 8ªs de finais de uma Liga dos Campeões, um belo presente para o aniversariante da noite, Henk Ten Cate, treinador da equipe vencedora.O começo da partida foi emocionante, antes dos 10' iniciais houve duas chances para ambos os lados. A partir daí, o Panathinaikos foi pra cima, e todas as investidas paravam na mão do goleirão Arian Beqaj, foi assim até o intervalo da partida. No segundo tempo, o time da casa manteve a pressão, aos 69', Salpingidis avançou pela direita e cruzou para a área, onde Cédric Bardon colocou a bola à disposição de Karagounis, na entrada da área. O meia chutou fraco e rasteiro, mas para a infelicidade dos visitantes, o goleiro Beqaj falhou feio, colocando em delírio os adeptos da casa. Com o Anorthosis visivelmente abalado, o Panathinaikos jogou os últimos 20 minutos com relativo conforto, e assim foi até o fim. O Panathinaikos finalizou a fase de grupos em primeiro lugar com 10 pontos, e passa as oitavas, primeira vez desde a época 2001/02. Já o time do Chipre, apesar de ter lutado árduamente, ficou com a lanterna do grupo, seis pontos.

Werder Bremen-ALE 2x1 Internazionale-ITA
(Pizarro, 63'; Rosemberg, 81'; Ibrahimovic, 88')
Eis que surge mais um jogo que foi decidido no segundo tempo. Mesmo jogando em casa o Bremen surpreende a toda poderosa Inter de Mourinho, deixando o time milanês com a segunda posição do grupo. O time alemão, desde o princípio buscou liquidar a partida, e foi o que aconteceu, no primeiro tempo, deu bastante trabalho ao goleiro da seleção brasileira, Júlio César. Porém quem brilhou foi a estrela do camisa 11, Mesut Özil. No segundo tempo, o jogador de 20 anos mostrou melhor pontaria, ao conseguir um escanteio para a cabeçada de Pizarro, no entanto, a bola cabeceada pelo peruano foi desviada pelo goleiro visitante. Aos 63', após uma saída errada da Inter de milão, Pizarro aproveita rebote de Júlio César a abre o placar. Mais tarde, aos 81', Rosemberg amplia, também após uma falha na saída de bola. Sete minutos depois o craque sueco, Ibrahimovic diminuiu, com um potente, venenoso e calculado chute de fora da área, mas já era tarde demais. O Bremem ficou em terceiro lugar, com sete pontos, e participará da UEFA. A inter passou de fase, mas com um gosto amargo de segundo colocado, com oito pontos.

Grupo C
Basel-SUI 0x1 Sporting-POR
(Yannick Djaló, 19')
O Sporting com um meio-campo forte, móvel, com a novidade de ter Simon Vukčević no lado esquerdo, foi desde o início melhor que o do seu adversário suíço, na recuperação de bola, circulação, capacidade técnica. Na frente, Yannick Djaló e Derlei davam velocidade e criavam os desequilíbrios finais, com trocas de posição constantes, e foi assim que os de Alvalade criaram as principais ocasiões da primeira parte. Logo aos cinco minutos, Derlei fugiu pela esquerda, mas perdeu algum ângulo e rematou cruzado, ao lado. Aos 15', Yannick Djaló correu pela direita, centrou e Derlei cabeceou para excelente intervenção de Franco Costanzo, a evitar o primeiro da partida. Logo a seguir foi João Moutinho a chutar por cima, com muito perigo. Aos 19 minutos, Derlei e Izmailov trabalharam bem na direita, o russo cruzou rasteiro e Yannick Djaló esticou-se para fazer o 1-0. A partir daí o Basel tentou impor o seu jogo, e com isso abriu mais espaço para os portugueses jogarem. No segundo tempo o jogo foi bem murcho, e não houve quase que nenhuma oportunidade de gols para ambos os times. O Sporting fechou a fase de grupos na segunda colocação, com 12 pontos. E o Basel amargou a última colocação com apenas um ponto.

Barcelona-ESP 2x3 Shakhtar Donetsk-UCR
(Gladkiy, 31', 58'; Sylvinho, 59'; Fernandinho, 76'; Busquets, 83')
O Barcelona entrou com uma equipe reserva e bastante inexperiente. O Shakhtar contou com a excelente participação de sua zaga e dos laterais que souberam usar a velocidade dos contra-ataques para conseguir a vitória no Camp Nou. No começo da partida, o Barcelona criou algumas oportunidades com Aleksandr Hleb, mas nada capaz de assustar os visitantes. Aos 31', Răzvan Raţ e Olexandr Kucher combinaram para lançar Willian na direita e o seu passe bem medido permitiu a Gladkiy ultrapassar a defesa do Barça e chutar, batendo Albert Jorquera. Gladkiy apareceu de novo, aos 58', depois de mais um contra-ataque fulminante parado com falta, Jádson bateu, Jorquera foi mal na bola, e o artilheiro do jogo não perdoou. Poucos segundos depois, Sylvinho tabelou com Seydou Keita e chutou com força de fora da área, marcando um belo gol. No minuto 76, Raţ percorreu toda a lateral, e cruzou de forma perfeita para Fernandinho, sem marcação, apontar o terceiro gol. O Barcelona responderia, sete minutos depois, com um passe primoroso Eidur Gudjohnsen, que deixou Sergio Busquets na cara do gol. O meia de 20 anos fez passar a bola por cima de Pyatov e reduziu, mas estava escrito que esta noite seria de alegria para os campeões da Ucrânia. O Barcelona se classifica em primeiro, com 13 pontos, e o Shakhtar entra na UEFA embalado, com nove pontos.

Grupo D
PSV-HOL 1x3 Liverpool-ING
(Lazovic, 36'; Babel, 47'; Rieira, 68'; N'Gog, 77')
O jogo começou muito ruim, e não parecia ser um duelo entre dois grandes clubes europeus. O número de faltas no meio campo foi acima da média. Só aos 36' apareceu uma grande chance que foi convertida em gol, e foi dos donos da casa, Balázs Dzsudzsák cobrou do lado direito, o primeiro escanteio da sua equipe, Javier Mascherano rebateu a bola em Dirk Marcellis, que sem querer deixou Lazović cara-a-cara com o estreante Diego Cavalieri. O ponta-de-lança sérvio manteve a tranquilidade e, a pouca distância do gol, chutou por entre as pernas do goleiro brasileiro. Porém, a alegria não durou mais do que dez minutos, e antes do intervalo, Ryan Babel cabeçeou a bola depois de uma excelente cobrança de falta do brasileiro Lucas, deixando a partida empatada. O segundo tempo foi mais empolgante, no entanto, foram os visitantes quem voltaram a marcar, quando, aos 68', Riera chutou, com efeito, a cerca de 30 metros das redes de Isaksson e marcou um dos gols mais belos da Liga dos Campeões desta temporada. O PSV lançou de imediato Danny Koevermans em campo para reforçar o ataque, mas foi um zagueiro, Marcellis, quem mais perto esteve de marcar um gol, acertando na parte exterior da trave quando faltavam 15 minutos para o final. Mas foi inútil, aos 77' N’Gog se isolou e bateu Isaksson com um remate rasteiro, negando o Eindhoven a possibilidade de participar da UEFA. O PSV amargou a última colocação do grupo D, com três pontos, enquanto o L'pool passou tranquilamente em primeiro lugar com 14 tentos.

Marseille-FRA 0x0 Atlético de Madrid-ESP
O treinador do Atlético, Javier Aguirre, fez algumas mudanças no time comparado àquele do último jogo. Porém, o destaque, Sergio Agüero manteve-se de titular. Aos sete minutos, o avançado argentino roubou a bola de Vitorino Hilton, avançou e chutou sem sucesso. No outro lado, um cabeceamento de Ronald Zubar, após um escanteio, saiu muito perto do alvo, o Marseille começava a gostar do jogo. O Atlético parecia contente em entregar o controle do jogo ao adversário e os gauleses tiveram duas boas ocasiões de gol, ambas desperdiçadas por Mamadou Samassa. Agüero foi substituído aos 55' e não ajudou seu time em muita coisa. Já para o lado francês, a estrela, Hatem Ben Arfa também não estava lá muito inspirado. O Marseille não conseguiu chegar ao triunfo, mas acabou mesmo por festejar a classificação para a Taça UEFA, com quatro pontos. O time espanhol ficou em segundo, com 12 pontos.





segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

"FECHAM-SE AS CORTINAS, TERMINA O ESPETACULO POVO BRASILEIRO"

Juninho Moreira


Foram alguns meses, vimos partidas inesquecíveis, gols espetaculares outros, nem tanto. Cabeças rolaram... Técnicos, jogadores e cartolas. Pois é, chegou ao fim o mais disputado campeonato da era dos pontos corridos. E deu o obvio. São Paulo, o mais bem dirigido e preparado time do Brasil foi campeão novamente.
Para as vagas da Libertadores também a lógica aconteceu. O Grêmio mereceu, com uma equipe jovem quase foi campeão, o problema talvez foi a inexperiência dos cinco ou mais jogadores revelados, Ou, não. O cruzeiro também mereceu esteve quase todo o campeonato entre os quatro primeiros. o time de Adilson realmente foi muito regular todo o campeonato salvo, alguns tropeços fora de casa. O Palmeiras mereceu. Inclusive no início do campeonato foi apontado por muitos, como o provável campeão. Mas, perdeu o foco na reta final, após aquela agressão feita por torcedores, ao técnico Luxemburgo. O Flamengo ficou de fora e não era pra menos, perdeu jogadores importantes e Caio Jr. Tentou, mas não caiu nos braços da torcida. Ou será que foi castigo para o falante cartola rubro negro?
Para a turma da intermediária ficou de bom tamanho. Foram times que na sua maioria, figuraram algumas rodadas na zona da degola e conseguiram melhorar no final. Times estes com problemas incontáveis e, que tem que tirar como lição o ano de 2008.
Na turma da parte sul da tabela, o Vasco da Gama não conseguiu o milagre que esperava e morreu abraçado com o Ipatinga que não se encontrou no campeonato, com a Portuguesa, que foi pedra no sapato de alguns clubes, mas também não vingou e, por fim com o Figueirense que veio a passeio.
Não poderia deixar de falar da arbitragem. Os Árbitros protagonizaram um show de erros e lambanças, mas que infelizmente os torcedores estão acostumados.
O futebol é assim: De um lado, choro e desespero. Do outro, choro e alegria.
Para os que caíram desejo sorte e aconselho trabalho. E para o São Paulo, Parabéns, Parabéns e Parabéns!

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Crise na F1

Crise financeira chega a F1

A crise financeira mundial que está assustando o mundo chegou a um dos esportes mais caros do mundo, a Formula 1. A equipe Honda anunciou que a temporada de 2008 foi a ultima disputada escuderia japonesa.


A saída da Honda do circuito pode ter colocado ao fim a carreira de Rubens Barrichello que já era dúvida após o final da temporada passada e dificilmente conseguirá lugar em outra equipe. Além de Rubens, mais dois brasileiros também saíram prejudicados com o fechamento de portas da equipe, Lucas di Grassi e Bruno Senna que faziam testes de pré-temporada na equipe japonesa não terão lugar para pilotar ano que vem.


O anúncio da Honda deixou em alerta a organização da categoria e outras equipes medianas. Já faz algum tempo que os dirigentes e donos de equipe estão preocupados com os excessivos gastos de cada equipe atualmente. Medidas como um motor durar 2 corridas já foram adotadas mas parece que ainda assim as equipes passam por dificuldades.


Se a situação continuar desse jeito, outras equipes poderão fechar as portas assim como a Honda. A outra japonesa, a Toyota também passa por dificuldades e poderá ser a próxima se a situação não melhorar.